Com show de Lucas o Tottenham bate Manchester United por 3 x 0 em Old Trafford e mantém 100% de aproveitamento na Premier League.

Com show de Lucas o Tottenham bate Manchester United por 3 x 0 em Old Trafford e mantém 100% de aproveitamento na Premier League.

Nesta segunda-feira os Spurs foram até Manchester, e conquistaram a primeira vitória, em território vermelho desde 2014, sendo a primeira do técnico Pochettino desde que está na Inglaterra. E a vitória não foi fácil, o Tottenham precisou se recuperar de um péssimo primeiro tempo para quebrar o tabu e contar com um inspirado Lucas Moura.

A partida começou com domínio dos anfitriões, mantendo maior posse de bola e controlando as ações. O Tottenham errava muitos passes e não conseguia manter a posse de bola, na melhor chance da primeira etapa, Alli avança sozinho na área, tendo Harry Kane pelo meio, indeciso ele demora uma eternidade para agir e é desarmado por Smalling. Lucas Moura após ótima arrancada, toma um tranco de Jones e caí na área reclamando de pênalti em lance polêmico e foi só. De ponto positivo Lloris que foi seguro quando exigido e os zagueiros belgas a sua frente.


A segunda etapa começou em um ritmo alucinante, no primeiro minuto o United chegou bem pela esquerda e Pogba chutou com muito perigo. A resposta foi imediata e Kane num cruzamento/chute exigiu defesa de DeGea que espalmou, acertando Lucas, antes da bola se perder pela linha de fundo. Dois minutos depois Trippier lança boa bola para Eriksen na direita, o dinamarquês cruza e Alli tem chute desviado pela defesa. Trippier cobra o escanteio com primazia para Kane ganhar de Jones e cabecear para o fundo da rede de DeGea.

Menos de um minuto depois praticamente um replay, Trippier lança Eriksen pela direta, que cruza rasteiro, dessa vez, para Lucas Moura bater para ampliar o placar. Com os 2 x 0 no placar o United foi ao ataque mas parou na sólida defesa do Tottenham, com destaque para Alderweireld que foi monstruoso. Dele Alli ainda perdeu, mais uma, ótima chance de marcar sozinho na área após erro da zaga do United e Kane teve uma boa chance de cabeça.

Após Trippier ser substituído por Aurier, Pochettino se preparava para por Winks no lugar do brasileiro Lucas, mas segundos antes da substituição Rose caiu no gramado e o argentino colocou Davies no lugar de Rose, mantendo o brasileiro em campo. Iluminado, o brasileiro recebeu excelente passe de Kane, deixou Smalling comendo poeira e bateu cruzado, um golaço para liquidar a fatura.

Pontos Fortes:
– Lucas Moura: atuação de gala do brasileiro com dois gols, ótimas arrancadas e extremo empenho na marcação pressão do Tottenham. Com três gols nos três primeiros jogos da Premier League vem justificando sua presença no time titular.
– Alderweireld/Vertonghen: Partida monstruosa dos belgas, extremamente seguros, ganhando todas pelo alto e não dar alternativa pro adversário a não ser bater de longa distância.
– Trippier: Muito bem lançando Eriksen nos dois primeiros gols e muito seguro defensivamente.
– Kane: Exorcizando de vez a maldição de agosto marcou um belo gol e deu uma ótima assistência para Lucas. Muitas vezes saindo da área para participar da criação e explorar a velocidade do brasileiro.
– Pochettino: Após um péssimo primeiro tempo o treinador argentino transformou o time no intervalo que voltou muito bem , marcou 3 gols e poderia ter marcado mais.

Pontos fracos:
– Dele Alli: Perdeu duas chances claras de marcar, com decisões equivocadas e uma péssima última bola. Com a ótima fase de Lucas e Son retornando dos jogos asiáticos, pode perder a vaga no time titular.
– Rose: Ganhando a posição de Davies não justificou sua escalação. Deu um presente para Lukaku que poderia ter marcado, não foi bem defensivamente nem ofensivamente e tomou um amarelo bobo após falta em Pogba.

#COYS

 

Facebook Comments