Dele Alli marca, Son é expulso e Tottenham só empata com o Everton

Dele Alli marca, Son é expulso e Tottenham só empata com o Everton

Por Mathias Galdi

Partida ainda teve lesão chocante de André Gomes, após entrada desnecessária do sul-coreano.

Em jogo marcado por lesão de André Gomes, o Tottenham sofreu o empate nos minutos finais
e deixou escapar valiosos pontos fora de casa. Dele Alli abriu o placar mas Tosun empatou aos
mandantes no fim da etapa complementar. Os Spurs não vencem um jogo for a de casa na
Premier League desde fevereiro, totalizando 12 jogos, com 9 derrotas e três empates.
Na primeira etapa, nem Tottenham nem Everton conseguiram realmente ameaçar os guarda-
redes. A chance mais perigosa foi um cruzamento de Aurier pela direita que resultou em
defesa de Pickford. Sem criação no meio-campo, Son e Lucas viveram de lampejos individuais,
os quais não vingaram e mal assustaram o goleiro da seleção inglesa.
No segundo tempo, a partida se manteve abaixo do esperado para as duas equipes. Richarlison
assustou aos 60 minutos, obrigando Gazzanigga a fazer excelente defesa, mas também foi a
principal chance dos Toffees em toda a partida, com exceção ao gol.
Pouco tempo depois da bela intervenção do goleiro argentino, Iwobi saiu jogando errado no
campo de defesa e acabou dando um presentão para o Tottenham. Depois de receber a
bênção do nigeriano, Son foi pra cima e deu a redonda para Dele Alli. Com frieza, limpou dois
marcadores e chutou cruzado, abrindo o placar para a equipe londrina. E, de quebra, ainda
comemorou respondendo aos críticos.
Poucos minutos depois, Alli quase cometeu pênalti contra seu próprio time, porém, o VAR
(arbitro de vídeo) foi acionado e não marcou a penalidade.
Aos 78 minutos, a cena que chocou o mundo. Após Son levar uma pancada de André Gomes
minutos antes, o sul-coreano resolveu revidar no português, o que não terminou bem. Heung-
min, além de ser expulso, se envolveu na fratura extremamente impactante sofrida por André,
quem não conseguiu se levantar após o choque.***
Com o jogo parado, a tensão era nítida. Quase ninguém tinha cabeça para continuar jogando,
especialmente Son, que fora expulso, Lucas e Aurier. Tosun também foi visto chorando de
desespero após o lance. Depois de mais de 10 minutos de pausa, o jogo foi retomado.
Com um a menos, o Tottenham só tinha uma opção: segurar os três pontos. A essa altura,
Sességnon e Lo Celso já haviam entrado para dar um gás para o elenco, porém, não foi o
suficiente. Os mandantes pressionavam, mas não obtinha sucesso, até os 97 minutos.
Digne cruzou de primeira, Calvert-Lewin e Tosun dividiram a bola, mas o cabeceio foi do turco,
que morreu no fundo das redes lilywhites. Após o gol, o Everton não levou mais perigo ao gol
londrino, bem como Pickford não teve trabalho.

O Tottenham estaciona na 11ª colocação, com 13 pontos, 18 pontos atrás do líder. O próximo
confronto é contra o Estrela Vermelha, pela Champions League.

Facebook Comments