Son e a necessidade de descanso

Son e a necessidade de descanso

Todos reconhecemos a necessidade de Heung-Min Son para o bom funcionamento do nosso sistema ofensivo, porém também é inegável que o sul-coreano não vive seus melhores dias com a camisa dos Spurs, apesar das necessárias críticas, também se deve fazer ressalvas sobre o seu desempenho e uma pequena explicação sobre seu mau momento.

Hoje um dos perfis mais confiáveis em termos de números do Tottenham, o Spurs Stat Man divulgou um número assombroso sobre o sul-coreano Son com a camisa lillywhite nas últimas oportunidades, ele só conseguiu participar de um gol, com uma assistência nos últimos 850 minutos de futebol, parece se ter uma ideia, isso dá quase 10 jogos completos com pouca ou nenhuma participação nos tentos da equipe.

Algo que parece muito pouco, para quem foi fundamental nas últimas temporadas com os Spurs, se considerarmos apenas os gols de 2015/2016 sua pior época como um jogador do Tottenham, ele marcou oito tentos no somatório de todas as competições. Claro sempre considerando que 2018/2019 está só no seu estágio inicial.

Tudo isso parece ter uma explicação e ela incide na falta de descanso o jogador ao longo desta temporada ainda em princípio, uma vez que ele mesmo caindo cedo na Copa do Mundo, foi um dos primeiros a retornar aos treinos para se preparar para os Jogos Asiáticos, na Indonésia.

Com isso ele só atuou no primeiro jogo da Premier League contra o Newcastle, antes de ir para a tentativa de se livrar do exército, ele conseguiu sucesso em sua empreitada, mas claro pra isso teve que participar de uma tensa campanha onde passou longe de confirmar o status de melhor jogador que possuía.

Logo depois do alívio de não precisar cumprir o serviço militar obrigatório de 21 meses, veio uma data FIFA que poderia ser uma boa oportunidade para que ele ficasse livre de suas responsabilidades com a seleção, uma vez que eram apenas amistosos e pouco valiam para o seu país, mas ele seguiu jogando pelo Coreia do Sul e naturalmente veio um pouco fatigado para Londres.

O Tottenham claro, até por suas necessidades e problemas com lesões o jogador teve de voltar com uma titularidade um tanto precipitada, dessa forma ele parece um pouco longe da sintonia da equipe. Aos que acham que isso é apenas uma teoria qualquer e que não faz sentido, Son já foi a campo 19 vezes na temporada, enquanto Lucas seu concorrente por um lugar no time só fez 11 aparições, e claro pego o brasileiro como comparação por ser um dos nomes que ofensivos que não passou por lesões.

Com isso, seja criando um plano de cooperação com a Coreia do Sul para poupar Son destes jogos pouco relevantes com sua seleção, seja dosando melhor seu uso neste momento no Tottenham, fica claro que ele precisa de um certo refresco, para que retorne ao melhor nível que já vimos vestindo lillywhite.

Facebook Comments

Leave a Reply