Tottenham 0 X 1 Ajax: Derrota em Londres e missão difícil para a próxima semana na UEFA Champions League

Nesta terça-feira em mais uma noite esperada de Champions League, o Tottenham perdeu em casa para o Ajax pelas semifinais da competição e vai ter que buscar o resultado em Amsterdam para ir a final da maior competição de clubes do mundo.

O time do Tottenham veio escalado com uma formação diferente da utilizada nas últimas partidas, inclusive na volta das quartas de final das Champions onde o time se classificou contra o City. Com muitos desfalques por contusão e sem Heung Min Son suspenso, o Tottenham veio com um 3-5-2 com Alderweireld, Sanchez e Vertonghen na defesa, Trippier e Rose nas alas e Wanyama e Dele Alli como meias centrais. Alli com mais liberdade invertia posição com Eriksen em diversos momentos do primeiro tempo.

Os primeiros minutos do jogo já mostravam o cenário da partida. Em um jogo de alta intensidade o Ajax teve a primeira chance aos 4 minutos do primeiro tempo com uma bola batida de fora da área após cobrança de escanteio.

O Tottenham nesses primeiros minutos buscava marcar a saída de bola no campo do adversário com muitos jogadores, porém rapidamente o Ajax contornou essa tentativa dos Spurs e tomou conta do jogo. Com um toque de bola muito rápido o time visitante saiu dessa marcação pressão e sufocou o Tottenham com muita velocidade, principalmente pelas pontas.

E não demorou muito para a superioridade do time holandês aparecer. Aos 14 minutos, em lançamento para a ponta esquerda David Neres rola para Ziyeck que da grande passe para Van de Beek. Livre de frente para o gol o meia teve tempo e tranquilidade para bater e abrir o placar em Londres.

Mesmo com o gol o Ajax continuava tomando conta do jogo. O time era muito superior. Os holandeses tocavam bem a bola, dominavam as sobras no meio campo e geravam muito trabalho para o Tottenham pelas pontas. Pelo lado dos Spurs, Eriksen e Alli se mostravam apagados e não rendiam aquilo que se esperava deles no jogo, principalmente tendo em vista a lesão de Kane e a suspensão de Son.

Em seguida ao gol, em mais uma bola pela ponta esquerda, Neres cruzou na área e Danny Rose corta a bola quase marcando contra.

A posse de bola naquele momento do jogo era de 66% para o Ajax que forçava muito a saída de bola dos Spurs. A equipe Lillywhite tinha muitas dificuldades de sair jogando pelo meio. Aos 23 minutos do primeiro tempo em mais uma jogada rápida do Ajax cobrando rapidamente uma falta, Tadic da um lindo toque para Van de Beek que sai de frente para o gol e bate. O arqueiro do Tottenham fez uma ótima defesa com os pés.

O Tottenham tentou responder logo depois em cobrança de falta pela direita. Llorente cabeceou para fora. Em sequencia, quando o Ajax tinha um completo domínio do jogo ocorreu o lance que gerou a maior mudança tática da partida.

Em forte choque pelo alto de Vertonghen, Alderweireld e o goleiro do Ajax, o zagueiro Vertonghen levou a pior no lance e deixou o campo depois de sangrar muito. O defensor até tentou voltar para o campo, mas passou mal e sem condições deixou o campo.

Pochettino colocou em seu lugar Moussa Sissoko, abandonando naquele momento o esquema com três zagueiros, recuando os laterais e reforçando o meio campo com mais um meia central de força ao lado de Wanyama. Após a mudança o jogo ficou mais preso no meio campo sem mais emoções, agora sem o domínio do jogo que Ajax havia mostrado até então.

O segundo tempo começou agitado. Llorente fez uma boa jogada no primeiro minuto e logo depois Tagliafico respondeu em grande finalização. Aos 4 minutos, em bola escorada de cabeça por Lucas, Alli de primeira para defesa do goleiro.

A partida era movimentada e nitidamente o Tottenham melhorava no jogo em comparação ao primeiro tempo. Principalmente pela questão da força física resultante da entrada de Sissoko para o meio, os Spurs conseguiam segurar mais a bola no meio e construir jogadas. No segundo tempo o número de finalizações era de cinco do Tottenham contra apenas duas do time visitante.

Porém, mesmo o time adversário diminuindo o ritmo por cansaço eles conseguiram levar perigo mais uma vez. Aos 77 minutos, em contra ataque com toques rápidos de pé em pé, a bola chega para David Neres livre na esquerda. O meia brasileiro bateu na trave do goleiro Lloris que só conseguiu olhar o lance.

O jogo seguiu sem maiores oportunidades para ambos os lados e findou-se sem o Tottenham conseguir criar reais chances de gol.

Na partida de volta marcada para a próxima quarta (08/04) na Holanda, os Spurs com a volta de Son ao time vão precisar de pelo menos uma vitória se quiserem uma vaga para a tão sonhada final da UEFA Champions League.

Facebook Comments