Tottenham X Watford – Para esquecer a crise e voltar a vencer

Nesse sábado às 11 horas da manhã o Tottenham irá enfrentar em sua casa o Watford pela rodada de número nove da Premier League e o objetivo principal é vencer e deixar de lado uma crise que abala a confiança de todos desde o início da temporada.

A temporada atual não é boa e todos sabem disso. Os Spurs ocupam apenas a nona colocação da Premier League e acumula tropeços na liga nacional, o último deles uma derrota desastrosa para o Brighton por 3 a 0. Nas copas a situação se repete. Pela Copa da liga inglesa a eliminação vexatória contra o Colchester, time da quarta divisão da Inglaterra e uma goleada assombrosa por 7 a 2 para o Bayern de Munique pela Champions. Além disso, as atuações não ajudam. O time se mostra sem confiança e sem agressividade com freqüência e seu estilo de jogo imposto nas partidas não favorece a melhora desse quadro.

Como se não bastasse, as lesões voltaram a nos assombrar como em outras temporadas. Após a perda de Foyth e Lo Celso logo no início da temporada, Hugo Lloris na última partida teve uma lesão grave no cotovelo e a sua projeção de volta aos gramados está prevista apenas para o próximo ano.

Devido à lesão, o clube se mexeu e noticiou durante a semana passada a volta do goleiro Michel Vorm que havia saído do clube no fim da última passada após não renovar o seu contrato. Porém, diante de situação atual, o Tottenham assinou com ele um novo vínculo até o fim dessa temporada. Na coletiva de imprensa dessa semana o técnico Maurício Pochettino disse que o arqueiro holandês ainda não está em condições ideais de jogo, mas que já está trabalhando para que possamos contar com ele no decorrer da temporada.

Durante a mesma coletiva, Pochettino fugiu das polemicas envolvendo possíveis contratações na janela de transferências em janeiro. Ele voltou a dar suporte a seus jogadores alegando que de acordo com ele não se faz necessário ir até o mercado buscar reforços tendo em vista a grande qualidade e capacidade que os jogadores dele possuem.

De certa forma, a pausa durante essa semana para data FIFA pode ter dado um tempo a mais para que o técnico e os jogadores pudessem dar uma pausa e buscar novamente a confiança necessária. Muitos deles estavam servindo suas seleções e alguns deles fizeram boas atuações por suas equipes, como Harry Kane que brilhou na goleada da Inglaterra contra a Bulgária e Ben Davies que deu assistência jogando pela seleção do País de Gales.

Assim como declarado por nosso técnico, nosso maior adversário na partida de amanhã seremos nós mesmos. Enfrentaremos o lanterna do campeonato que não venceu nenhum de seus oito jogos disputados e não podemos fazer com que a pressão atual encubra a qualidade de nossos jogadores. Temos um plantel para estar bem acima de onde estamos hoje. Temos espaço para melhorar e o caminho para isso começa amanhã.

 

Time provável: Gazzaniga, Aurier, Alderweireld, Vertonghen, Davies, Ndombele, Winks, Son ,Dele ,Lucas e Kane

Banco – Vorm, Sanchez, Rose, Dier, Sissoko, Lamela, Lo Celso.

Facebook Comments